quarta-feira, 22 de novembro de 2023

CÚMPLICES: ONU, Cruz Vermelha, OMS, pessoal, médico, jornalistas, TODOS sabiam do Hospital Shifa!

"O número de organizações cúmplices em ajudar e encorajar o Hamas nos seus crimes faz lembrar todas as organizações que ajudaram e encorajaram os nazis na sua campanha genocida contra os judeus."

 

CÚMPLICES: ONU, Cruz Vermelha, OMS, médicos de Gaza, enfermeiros, jornalistas, TODOS sabiam que o Hospital Shifa era a Central de Comando do Hamas, para onde os reféns foram levados e assassinados

Nunca confie nessas organizações terroristas, porque é isso que elas são.

Mais inocência por parte dos infames civis inocentes de Gaza: os médicos do hospital Al-Shifa sabiam que o Hamas estava a utilizar o hospital para fins militares.



Vídeo:



Há literalmente imagens de CCTV dos reféns sendo levados ao hospital em plena luz do dia por homens armados.

Eles sabiam. Eles não disseram nada. https://t.co/Vz9lknblmo


Os reféns não só foram trazidos para o hospital Al Shifa, como também foram assassinados no hospital. Ninguém no hospital disse nada: médicos, enfermeiras, ONU, OMS, nem uma alma. A falsa narrativa de que o Hamas era os único bandido em Gaza será mais revelada através de…


Um médico britânico que passou um tempo significativo no Hospital Shifa em 2021 explicou à @FRANCE24 que havia certas áreas do hospital que estavam fora do alcance da equip médica e eles foram ameaçados de levar um tiro se entrassem. pic.twitter.com/T9xLGaREEP

Disseram-nos repetidamente que o pessoal clínico de al-Shifa não tinha conhecimento da existência de combatentes do Hamas no hospital. Nesse caso, gostaria de entender o que é que a equipa médica achou que o homem com o cutelo que eles testemunharam claramente estava lá a fazer pic.twitter.com/6du8bAYkI7

 

-Victoria Freeman (@v_j_freeman) 20 de novembro de 2023


O Hamas prendeu e assassinou reféns, feridos e ilesos, no Hospital Shifa.@UNRWA sabia

@MSF sabia@Cruz Vermelha sabia@amnistia sabia@hrw sabia@BBCWorld sabia@CNN sabia@SkyNews sabia@washingtonpost sabia@nytimes sabia

Vocês são todos cúmplices. https://t.co/jzAFA0rHKp

-Allen L. (@Leibochips) 19 de novembro de 2023


Última hora: Noa Marciano foi assassinada DENTRO de Shifa. Israel sabe que outros reféns também foram levados para lá.

Quantos crimes de guerra?

Shifa não era um hospital.

Era uma loja de armas do Hamas.

Era um esconderijo dos líderes do Hamas

Era um lugar onde eles esconderam reféns

Foi um lugar onde assassinaram israelitas.

-David Collier (@mishtal) 19 de novembro de 2023

 

Não culpe Israel – Israel está apenas a defender-se.

Culpe aqueles que deixaram isto acontecer. Durante 17 anos – a OMS, a UNRWA, a ONU, a Cruz Vermelha – os funcionários de todas estas organizações SABIAM que o Hamas estava a armar os hospitais.

E depois culpe a Amnistia Internacional e os meios de comunicação que lhes deram cobertura.

-David Collier (@mishtal) 20 de novembro de 2023

 

O número de organizações cúmplices em ajudar e encorajar o Hamas nos seus crimes faz lembrar todas as organizações que ajudaram e encorajaram os nazis na sua campanha genocida contra os judeus.

E não digo isto levianamente.

-Ben M. Freeman 🇮🇱 (@BenMFreeman) 20 de novembro de 2023

 

As Nações Unidas, a Cruz Vermelha, os médicos e enfermeiros de Gaza e os meios de comunicação social estão todos a cavar um buraco enquanto tentam negar que foram cúmplices do Hamas. Obviamente, não é um buraco tão profundo como os túneis terroristas escavados pelo Hamas sob o comando de al-Shifa – mas mesmo assim é um buraco….

-leekern (@leekern13) 20 de novembro de 2023

 

“Mas não é possível que os reféns tenham sido arrastados para o hospital de Shifa para serem violados por razões médicas?”

-leekern (@leekern13) 20 de novembro de 2023

 

Ampliei este detalhe – trata-se inequivocamente de umapessoa sendo arrastada contra a sua vontade para o Hospital Shifa por um homem com um cutelo e outros armados.

 

O facto de o Hamas ser mau parece-me óbvio a mim, mas estou curioso para ver como as pessoas inteligentes explicam isto... pic.twitter.com/PhjLt3k0yN

- O leopardo na cave é um nome sensato (@tlitb) 19 de novembro de 2023


Muito, muito, muito mais em: 

Imagine por um instante que estava refém de terroristas com cutelos... As atrocidades que se registaram a 7 de Outubro, repetiram-se no Hospital Shifa, com pessoas de todas as idades. 

Enquanto isso, a esquerda global está nas ruas com os muçulmanos a dar vivas ao Hamas e a exigir o Fim de Israel.

Enquanto isso, a Velha Imprensa Podre diz ao povo que "Israel está atacar hospitais com criancinhas lá dentro"! 

 

Israel sob ataque: colonos árabes festejam nas ruas em Israel.


- Visite a nossa secção ESPADAS DE FERRO.


E, a propósito da colaboração do pessoal médico internacional e ONG's no terrorismo do Hamas, veja sff este post, em que recordamos as divertidas aventuras dos Médicos do Mundo a inventarem vítimas em Gaza:

Gaza fabrica "vítimas" para a Televisão

Sem comentários:

Enviar um comentário